post

Cartas de Gratidão


PSICOLOGIA POSITIVA

Claudemir Oliveira*

   CARTAS DE GRATIDÃO

     Na última coluna, além dos ipês-amarelos, eu também falei sobre dinheiro. Gostaria de acrescentar mais alguns detalhes ao meu pensamento. Nas palestras, sou muito questionado sobre o poder do lado financeiro em relação à felicidade. Já existem vários estudos provando que a relação entre os dois é bem menor do que se pode imaginar. No Brasil, é comum a frase: “dinheiro não traz felicidade, manda buscá-la”. Como não concordo, e a ciência está do meu lado, digo que é exatamente o contrário: é a felicidade que atrai o dinheiro. Peguem qualquer exemplo de famosos e ricos e vão ver que é a paixão pelo que eles ou elas fazem que traz a fortuna.

Felicidade e Dinheiro

     Estudos comprovam que a relação entre dinheiro e felicidade é mínima quando comparada a fatores como amizade, família, gratidão, relacionamento, doação, etc. Um professor da Rotterdam’s Erasmus University, Ruut Veenhoven, analisou mais de 30 pesquisas conduzidas pelo mundo e os resultados mostram que a riqueza material em pouco eleva a felicidade de uma pessoa. Isso acontece por um tempo mais curto que imaginamos. No meu doutorado, estou usando a terminologia “adaptação” para explicar o fenômeno. De maneira simplista, em pouco tempo você se “adapta”, se acostuma à nova situação. Um bom exemplo é quando você recebe um aumento de salário. Nas primeiras semanas, você se sente a pessoa mais feliz do mundo, mas meses depois, lá está você buscando mais um aumento. Não estou dizendo que dinheiro não seja bom. O que estou dizendo é que ele não é a razão principal da sua felicidade.

Felicidade e Sucesso

     Uma outra relação parecida com felicidade e dinheiro é a relação felicidade e sucesso. Costumo definir sucesso pela paixão, amor pelo que se faz. Na minha definição não existe a palavra dinheiro, mas apenas “paixão”, “amor” pelo que se faz. O dinheiro pode até vir (e em geral vem), mas ele não é condição sine qua non. Sabe aquele professor que lhe deu as melhores aulas de sua vida? Ele é puro sucesso independentemente do salário que ganha. Sabe aquela empregada doméstica que dá brilho na sua casa, e ainda cuida com carinho de seus filhos? Ela é puro sucesso!!! O mundo capitalista, infelizmente, vincula  somente e tão somente o sucesso ao dinheiro ou aos primeiros colocados (especialmente nos esportes), ou às celebridades de capas de revistas. Por isso, nossa cultura despreza quem é segundo colocado e por aí vai. Quanta pobreza, não?

Resumindo o acima exposto, precisamos apenas saber que a felicidade é causa; dinheiro, sucesso é consequência.

Abordando ainda sobre esse tema, gostaria de falar um pouco mais sobre a gratidão. É um dos pontos mais utilizados dentro da Psicologia Positiva. Destaco os dois principais exercícios que utilizo com meus clientes no dia a dia:

Três bençãos diárias

     Estudos feitos nos EUA indicam que, se você separar apenas cinco minutos antes de ir dormir e enumerar três bençãos que aconteceram naquele dia, melhoram sua qualidade de vida e seu nível de felicidade. É um exercício muito simples de ser feito. Eu, por exemplo, hoje vou agradecer por ter tido mais uma dia de vida, por ter uma esposa abençoada, a Deborah, pelos amigos verdadeiros, pela minha empresa, por poder escrever essa coluna, pelos leitores deste jornal, etc… viu como é fácil? Se você quiser ser ainda mais feliz, não precisa nem esperar pela noite (risos), já refaz sua lista logo ao acordar. Ou seja, faça pela manhã e pela noite. Você tem essas duas opções, a única opção que não recomendo é reclamar do que não aconteceu durante o dia. Essa mania humana de buscar analisar o inexistente me instiga. Nunca consegui encontrar um argumento válido em reclamar do que não aconteceu, do que não existe, mas por incrível que pareça, isso é regra.

Cartas de gratidão

     Outro exercício fascinante que uso com meus clientes de psicoterapia é a carta de gratidão. Também muito simples. Imagine a seguinte cena: tente lembrar de uma pessoa que modificou a sua vida nos últimos anos. Todos nós temos alguém que nos tocou ou ajudou num momento delicado e importante de nossas vidas. Eu, por exemplo, tenho várias histórias, e vou confidenciar uma. Quando era menino, ainda no Nordeste do Brasil, eu lembro de uma cena linda que nunca esqueci. Havia um jogo de futebol na cidade e eu não tinha dinheiro para ir. Na sala da casa de minha amada Tia Maria, um dos melhores anjos que conheci nesta Terra, percebia um grande movimento das crianças que já tinham o dinheiro para ir ao jogo. Percebia, no olhar de cada um daqueles meninos, a alegria de ir assitir a um jogo de futebol pela primeira vez, e eu buscava um milagre, um anjo que me salvasse. Todos sairam gritando, fazendo uma grande festa, e eu fiquei sozinho na sala. Um silêncio enorme e triste me invadiu. Uma prima chamada Lurdinha estava me observando. Chegou perto de mim, me olhou e me deu o dinheiro do  ingresso. Saí correndo como o menino mais feliz do mundo. NUNCA esqueci daquela cena. Tem preço isso? São experiências como essa que provam que um minuto pode transformar nossas vidas. Por isso, acredito na minha missão de escritor e palestrante,  pois algumas palavras ditas ou escritas podem significar um oásis para alguém que esteja num deserto.

Pois bem, o que essa linda história tem a ver com o conceito “carta de gratidão” da Psicologia Positiva? É você escrever uma carta detalhando cada detalhe da cena, cada detalhe daquilo que modificou a sua vida e aí você tem duas opções: enviar a carta para aquela pessoa relatando sua gratidão ou o mais indicado na Psicologia Positiva: ir pessoalmente visitar essa pessoa que transformou sua vida, sem que ela saiba o motivo, e ler a carta pessoalmente. A carta tem um poder mágico, pelo fato do registro do fato. Palavras podem “voar” e serem esquecidas, mas uma carta escrita, de preferência a mão, tem um valor inigualável. Termino essa carta, quero dizer, artigo, pedindo a cada leitor que agradeça por pelo menos três bençãos que aconteceram hoje na sua vida e, mais importante, lembre-se de alguém especial que transformou sua vida no passado. Escreva uma carta com todos os detalhes do que aconteceu e marque uma visita inesperada. Só, então, você vai saber o poder da “carta de gratidão”! Escreva agora, seja feliz, e não se esqueça de me contar a reação linda de alguém que fez a diferença na sua vida! 

* É presidente do Seeds of Dreams Institute, jornalista, pós-graduado em Marketing (ESPM) e Comunicação (ESPM), mestrado e doutorando em Psicoterapia (EUA), com foco em Psicologia Positiva. É membro vitalício da Harvard University e referência internacional em Psicologia Positiva. Vive em Orlando desde 2000. Contato: www.seedsofdreams.org 

Anúncios

Comments

  1. Querido Claudemir,
    Sinto-me realmente, privilegiada por ter tido o prazer indescritível de conhecer alguém como você e, mais ainda, de ter aprendido tanta coisa com você, através das suas palestras.
    Ao longo de um dia inteiro, desde que nos levantamos pela manhã, até que deitamos, à noite, temos MUITO a agradecer e tenho certeza que TODOS que lerem esse artigo, contarão muito mais que três bençãos ao longo do dia…
    A parte do seu artigo que fala sobre a carta de gratidão, encheu meus olhos de lágrimas. A história do jogo de futebol, a preparação linda para que voce pudesse ver seu desejo de assistir ao jogo cumprido, enfim, o fundamento todo dessa carta de gratidão é algo muito especial mesmo… Muitas vezes, a vida nos coloca diante de situações que, à primeira vista, pensamos ser intransponíveis, e que, algumas vezes, acabam por mudar radicalmente a nossa vida. Nos vemos sem chão e em “pânico” diante do novo desconhecido que se apresenta diante de nós… Mas, feliz daquele que passa por isso e aproveita a situação como aprendizado, como uma oportunidade de começar de novo, de outra maneira, em outros caminhos… É começar um novo semear, num novo campo, pronto para receber a semente, cuidar dela dia-a-dia com muito carinho, e, no tempo certo, colher os frutos doces e maduros dessa nova oportunidade.
    Eu passei por isso, meu amigo, e sou extremamente grata a Deus pela oportunidade de “recomeçar em um novo campo”, num terreno arado por Ele, onde lancei a semente e agora começo a colher, ainda que devagar, os frutos dessa nova etapa…
    Obrigado por dividir essas preciosidades com todos nós!
    Um forte abraço, com carinho e saudade…
    Tati

    • Tatiana,
      Que alegria receber sua mensagem e voce tem toda razao… a Gratidão é fascinante. Melhor que a gratidão é a SERVIDÃO, CARIDADE…. então, temos de continuar evoluindo, evoluindo… um abraço carinhosos e que Deus nos permita muitas e muitas mensagens lindas como essa…
      Abraços e obrigado!!!
      Claudemir

Deixe seus comentários (sementes de sonhos). Quero aprender com você!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: